O Acausal e os Nexions

nythra

Fonte: https://arautodochaos.wordpress.com/2013/12/23/o-acausal-e-os-nexions/

Essa postagem é um complemento para as anteriores, e também para muitos termos mencionados neste blog ao longo do (curto) tempo que estou postando por aqui, pois tem o objetivo de explicar melhor estes dois termos constantemente utilizados dentro do Satanismo tradicional (Não apenas na ONA, mas em várias outras linhas, como a Current 218).

O Acausal

O termo Acausal  se refere a tudo aquilo que está fora do “plano causal”. Nós identificamos o plano causal como aquele percebido pelos sentidos do corpo físico e justificado pelas ciências “causais”, como a geometria, física e química. Através da empatia e das sensações geradas fora da racionalidade “comum” que a ciência convencional não explica, nós somos levados a conhecer um plano fora deste “causal”, constituído do tempo-espaço acausal.

A ciência biológica pode explicar como um corpo vive, mas não explica sua racionalidade. A mera observância das liberações/interações bio-químicas não são suficientes para justificar a existência e o comportamento da vida, muito menos do ser humano complexo e caótico. Portanto, passa a haver a teoria de que a Vida em si seria internamente composta de energia Acausal, e que um plano feito somente desta energia existiria fora daquilo que conhecemos como “criação”, habitado por seres totalmente livre da “causalidade”.

E o que seria esta “Causalidade”? Não haveria tempo da forma linear a qual concebemos, nem espaço geométrico, nem relações diretas de causa-efeito, sendo impossível descrevê-lo dentro das três dimensões físicas e da dimensão temporal. Tudo que haveria seria a energia infinita (e Acausal), possibilidades infinitas e a liberdade infinita do Cosmos e do Caos, sem nenhum aprisionamento ou limitação.

Impossível de definir matematicamente, o Acausal seria ainda constituído de infinitas dimensões, linhas temporais, planos manifestando-se simultâneamente e não se manifestando ao mesmo tempo. Os símbolos encontrados para representar o Acausal são o tetraedro, a árvore da Wyrd e os Nove Ângulos. No entanto são símbolos limitados em duas dimensões, melhorados quando feitos em três dimensões, aproximados quando os encontramos na quarta dimensão (fluindo através da magia aeonica) mas somente totalmente compreendidos através dos Nexions (veja abaixo) e do Star Game/Jogo Estelar – absorvendo seus significados e praticando-o constantemente para entendê-lo.

Somente assim pode-se compreender estas “pentadimensões”, difíceis de explicar em palavras e matemática “comum”, mas possível de ser experiênciada através do Caminho Setenário de forma intensa, através da “Empatia” e – quando essas energias manifestam-se no Causal, mesmo através de sensações físicas.

E dentro das infinitas possibilidades do Caos Primordial, temos a existência de seres Acausais, denominados Deuses Negros. Estes seres, feitos de pura energia, realizariam de tempos em tempos incursões dentro do Causal que conhecemos, causando Caos, movimento, contra-reações e consequentemente mudanças drásticas no mundo, nos indivíduos e nas Eras (Aeons). Tais Deuses Negros podem ser canalizados para auxiliar no desenvolvimento do Adepto, até que o mesmo transcenda o Causal e alcance sua própria Divindade, um dia (e através de muito esforço).

Entretanto as manifestações e influencias desses sereis Caóticos em nosso mundo não ocorre de qualquer forma, mas sim através de “Nexions”.

Os Nexions

A palavra “Nexion” vem da abreviação de “Conexion” e foi utilizada por Anton Long para definir uma conexão entre aquilo que é Acausal e aquilo que é Causal. Todo indivíduo, sendo portador de energia Acausal internamente é naturalmente um Nexion, no entanto somente ele escolherá utilizar de seu potencial ou se tornar apegado a coisas “mundanas/materiais” e ignorar todo o seu potencial evolutivo.  Ou seja, um Nexion é um PORTAL que faz com que energia flua através de si. Uma porta ligando dois mundos de realidades totalmente diferentes em essência. E como uma porta, pode ser acessado de ambos os lados.

Aqueles que escolhem exercer conscientemente seu potencial, organizam-se em grupos ou “tribos” para realizar rituais com a finalidade de evolução e de trazer as energias do Caos para dentro do plano Causal – entre outros objetivos também de cunho pessoal. É aqui que a “Magicka” e o Satanismo se encontram, sendo esta uma ferramenta do Adepto para realização de seus  intentos e desejos.

Os Nexions também servem como conexão para os Deuses Negros poderem se manifestar e transitar neste Aeon. São o canal de comunicação entre nós e seres os quais temos ainda pouca noção da realidade no estado em que nos encontramos, mas que entendemos cada vez mais através do tempo e durante a nossa própria Alquimia Negra Interna. São seres sem nome, conhecidos apenas por suas vibrações, e sem forma, muitas vezes representados por meras situações (como Karu Samsu é a junção do sacerdote e sacerdotisa) e indescritíveis de forma “física”.

Sendo desprovidos de forma, estes seres se manifestam para mudar o mundo em várias culturas, de várias formas, sob várias máscaras diferentes. Assim como Shiva, Satan, Fenrir, Exu… e inúmeros outros. Estes agentes de entropia – esses Deuses Negros, não devem ser confundidos com entidades maléficas, mas meramente como seres responsáveis pela mudança e não-estagnação Universal.

Além dos Nexions individuais e das Tribos, existem ainda os Nexions naturais, que normalmente ficam em determinados locais, como montanhas, florestas, rios, lagos, cachoeiras, locais naturais em geral e fora da Terra, no próprio Espaço, como Estrelas (Naos, Sirius, Mira, Algol… entre outras) e os próprios Planetas da Árvore de Wyrd.

Os principais métodos de trabalho com Nexions, além do Star Game, seriam os Cânticos que trazem vibrações ligadas aos Deuses Negros, o desenvolvimento da “Empatia” e do pensamento Acausal, e os rituais de Invocação/Convocação destes entes, com uma grande lista de cerimônias envolvidas.

O que deve ser entendido aqui por você, neste momento é que esta doutrina denominada exotericamente como “Satanismo” está muito além de um “Cristianismo invertido” ou uma contra-cultura cristã. É uma cultura própria, viva e mutável, adaptável externamente, mas construída sobre a mesma fundação.

Não se trata de “adoração a Satã”, mas de trabalho com as energias Acausais mais puras, direcionadas para a Alquimia Interna do Adepto e sua evolução, transitando de Homo “Sapiens” para Homo Gálata, o “Ubermensch” mencionado por Nietzsche em seus tratados. A liberação de um ser preso ao Causal Mundano para algo além, uma consciência mais capaz… para somente então pensar no próximo passo evolutivo.

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s